Luiz Benes faria 17 anos nesta terça, sétimo dia da morte dele

Nesta terça-feira, 21, no mesmo dia em que Luiz Benes completaria 17 anos, são rezadas as missas de sétimo dia da morte do jovem. O filho de Benes Leocádio, ex-prefeito de Lajes, morreu vítima de um confronto entre policiais e os bandidos que o mantinham como refém em um carro da família dele, na última quarta-feira, 15.
A primeira missa foi celebrada pela manhã, na Igreja de Santo Afonso, em Mirassol, na zona sul de Natal. Benes Leocádio falou: “Eu apelo, como pai, ao lado de tantos outros que já viram seus filhos partirem, vamos pedir a Deus e nos dar as mãos para buscar uma solução e acabar com essa destruição de família que vemos hoje”.
Uma ‘marcha pela paz’ está marcada para as 16h30, em Lajes. Uma missa na igreja matriz da cidade ficou prevista para acontecer após a caminhada, que deve terminar às 18h.

Agências dos Correios poderão emitir carteira profissional sem custo

O Ministério do Trabalho e Emprego pretende ampliar os pontos de emissão da carteira de trabalho em todo o país, sem custos para os cidadãos. A ampliação seria possível por meio de um acordo em discussão com os Correios, que têm agências nos 5.570 municípios brasileiros. A emissão do documento continuará gratuita. De acordo com o ministério, a taxa de entrega da carteira expedida pelos Correios seria custeada pela pasta. O custo do serviço ainda está sendo avaliado. Em julho deste ano, foi anunciado que um acordo de cooperação técnica seria assinado entre o Ministério do Trabalho e os Correios e um projeto-piloto teria início no estado de São Paulo. O objetivo do acordo é permitir que todos os trabalhadores brasileiros, em especial os que vivem nos municípios mais distantes dos grandes centros, tenham acesso ao documento.
A pasta informou que a expedição da carteira de trabalho continuará ocorrendo normalmente em toda a rede de atendimento como postos do Sistema Nacional de Emprego (Sine), gerências regionais e superintendências do Trabalho nos estados.
A carteira de trabalho é obrigatória para toda pessoa prestar algum tipo de serviço, seja na indústria, no comércio, na agricultura, na pecuária ou de natureza doméstica.  Os registros das atividades do trabalhador feitos no documento garantem o acesso a alguns dos principais direitos trabalhistas, como seguro-desemprego, benefícios previdenciários e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Sete dicas simples para driblar o aumento do gás

Em tempos de crise, quem consegue reinventar hábitos diminui as chances de sufoco. Isso inclui o consumo do gás de cozinha, que sofreu um recente reajuste de 12,2% no valor cobrado pelo botijão.
Ciente disso e sempre em busca de facilitar a vida do consumidor, o aplicativo Chama, ferramenta que conecta revendedores de botijões de gás a clientes, elencou uma série de dicas preciosas para ajudar a driblar a crise e fazer com que o gás dure mais nos lares brasileiros.
“Usar as panelas certas, não utilizar a boca grande do fogão para panelas pequenas e usar o tempo mínimo necessário para aquecer o forno, são alguns hábitos simples que, no fim, fazem o gás render muito mais”, explica Otávio Tranchesi, diretor de marketing do aplicativo Chama.
O executivo afirma que além do bom uso do botijão, é fundamental que o consumidor busque na sua região onde comprar pelo menor preço. “A pesquisa é a melhor arma para o consumidor. E é isso que o aplicativo oferece. Na zona leste de São Paulo, por exemplo, no mês de junho, o botijão de gás foi comercializado entre R$ 61,50 e R$ 88. Quem pede pelo telefone disponível fica sem saber disso – algo que não acontece com quem usa o Chama, pois pode escolher o melhor preço, o tempo de entrega e o revendedor melhor avaliado”.
Pensando no bem estar do bolso do consumidor, os especialistas do aplicativo Chama elencaram sete dicas simples e eficazes para driblar o aumento do gás.
1 – Atenção com as chamas: Se elas surgirem amareladas ou alaranjadas, é sinal que os bocais não estão funcionando devidamente – o que implica no maior gasto de gás. O ideal é que as chamas sejam azuis.
2 – Use a tampa da panela: O preparo de pratos como macarrão, por exemplo, permite que o cozimento seja feito com o fogo desligado ao usar a tampa. Para isso, basta deixar a água ferver, adicionar a massa, desligar o fogo e tampar.
3 – Forno fechado e cheio: Abrir e fechar a porta do forno muitas vezes é a receita para o desperdício de gás. Tente observar os alimentos utilizando a luz interna e, sempre que possível, asse mais de um alimento ao mesmo tempo.
4 – Janelas fechadas na cozinha: Correntes de ar diminuem a potência das chamas e, assim, aumentam o tempo necessário de cozimento. Por isso, na hora de cozinhar, feche portas e janelas.
5 – Use a panela de pressão: Se a receita permitir, não se acanhe e faça uso da panela de pressão. Além de mais econômica, ela acelera o cozimento e potencializa o tempero dos alimentos.
6 – Corte em pedaços menores: Alimentos cortados em partes pequenas cozinham mais rápido, fazendo com que o gás seja menos utilizado.
7 – Celular na mão: Acabou o gás? Não esquente e use o aplicativo Chama, que é gratuito, para descobrir o melhor preço no seu bairro. Sua carteira agradece.
“Não é apenas uma questão de economia, é sobre fazer seu dinheiro valer. E neste caso a melhor economia é feita na hora da compra com o Chama”, afirma Tranchesi.

Jácome ganha apoio do ex-prefeito Ivan Junior, de Assú

O ex-prefeito de Assú e ex-presidente da Femurn, Ivan Junior(PSD), declarou apoio à candidatura de Jácome nesta segunda-feira, 20. Os dois tiveram uma longa conversa nesta tarde para acertar agenda e discutir propostas e projetos para o Rio Grande do Norte.
Candidato a deputado estadual do Vale do Açú, Ivan Junior foi prefeito duas vezes de Assú com grande aprovação popular. O seu prestígio como prefeito o levou a se eleger vice-presidente da Femurn, ocupando a presidência um ano depois, e a assumir a secretaria de Recursos Hídricos do Estado.
Com apoio de mais de 70 prefeitos, Jácome segue ampliando suas bases atraindo nomes de grande aceitação popular e força eleitoral de todas as regiões do Estado.

Seis homens ainda são procurados por participação direta na morte de PM em Caraúbas, RN; mandados já foram expedidos

Seis homens, já com mandados de prisão expedidos pela Justiça, ainda são procurados pela polícia como suspeitos de participação direta na morte do cabo da Polícia Militar Ildônio José da Silva, de 43 anos. Ele foi executado a tiros no dia 16 deste mês durante um assalto a um ônibus de estudantes entre as cidades de Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado, na região Oeste potiguar. Outras seis pessoas, entre elas cinco homens e uma mulher (uma estudante de Direito de 21 anos), estão presos e já foram indiciados.
Segundo o delegado regional Sandro Régis, independente de os seis homens que estão sendo procurados serem encontrados ou não, o processo tem prazo de um mês para ser enviado ao Ministério Público. “Quando há suspeitos presos, o prazo é de 10 dias. Porém, como os presos também foram indiciados por organização criminosa, o prazo é maior, podendo ainda ser prorrogado. Mas, acredito que o inquérito deverá ser remetido em até 30 dias”, ressaltou.
“Dos seis que já estão presos, um taxista e um homem em Assu vão responder por favorecimento e organização criminosa, mas não têm participação direta na morte do PM. É a mesma situação de um coiteiro que foi preso na mesma região onde aconteceu o crime, e que também não tem ligação direta com o assassinato”, destacou.
“Já os dois homens que estavam como passageiros do taxista preso em Campo Grande e a namorada de um dos foragidos, que é a estudante de Direito que estava no ônibus – já que foi ela quem passou a informação para a quadrilha avisando que o PM estava armado no veículo – esses três foram indiciados por homicídio e também por organização criminosa”, acrescentou Sandro Régis. O delegado ainda lembrou que a universitária foi a única passageira que não teve os bens roubados pelos assaltantes.
Quanto aos seis foragidos, o delegado revelou que todos também devem ser indiciados por homicídio e por organização criminosa, totalizando nove pessoas indiciadas diretamente pelo homicídio, mas os outros três que responderão por favorecimento.
Execução
Apesar de o cabo ter sido morto durante um assalto, Sandro Régis explicou que os 9 envolvidos diretamente na morte do policial não foram indiciados por latrocínio (roubo seguido de morte). No entendimento do delegado, Ildônio foi morto porque era policial. Todos os que tiveram participação direta na morte do cabo devem ir a julgamento por assalto qualificado (uso de arma de fogo e concurso de pessoas, que é quando as pessoas se unem para o cometimento de um crime) e homicídio triplamente qualificado, com os agravantes de não darem chance alguma de defesa à vítima, pela morte como facilitação para o assalto, e ainda pelo fato dele ser policial.

Do G1 RN

Marinha do Brasil abre 90 vagas para o nível Médio Técnico

Estão abertas as inscrições para concurso público de nível médio técnico da Marinha do Brasil (MB). As inscrições do Corpo Auxiliar de Praças (CAP) começaram ontem, dia 20 de agosto, e irão até o dia 10 de setembro de 2018. A seleção é destinada a candidatos com nível médio técnico, sem a exigência de experiência profissional anterior. A taxa de inscrição é de R$ 70,00 e o pagamento pode ser realizado até o dia 18 de setembro.
Quem pode se inscrever
Homens e mulheres brasileiros ou naturalizados com mais de 18 e menos de 25 anos, no dia 1° de janeiro de 2019, que tenham o ensino médio técnico completo e que estejam em dia com as obrigações civis e militares.

Como participar
Interessados devem acessar o site Ingresso na Marinha. Quem preferir, poderá inscrever-se pessoalmente nos Postos de Atendimento ao Candidato, distribuídos por todo o país. O horário de atendimento é das 8h30 às 16h30.

As vagas
Este ano, são ofertadas 90 vagas para os candidatos, sendo: Administração (4), Administração Hospitalar (4), Contabilidade (8), Edificações (4), Eletrônica (4), Enfermagem (4), Estatística (3), Estruturas Navais (3), Gráfica (5), Marcenaria (4), Mecânica (6), Metalurgia (6), Motores (4), Processamento de Dados (16), Química (3), Radiologia Médica (4), Secretariado (4) e Telecomunicações (4).

Paciente psiquiátrico ateia fogo em sua própria casa e por pouco não morre queimado no Bairro Santo Antônio


Um homem com problemas psiquiátricos, identificado como, Francisco José da Silva de 45 anos, ateou fogo na sua própria casa, na manhã desta terça feira 21 de agosto e se não fosse a rapidez de familiares que moram vizinhos, e conseguiram retirá-lo de dentro da casa em chamas, teria ocorrido uma tragédia.
O caso foi registrado na Rua Pedro Velho no Bairro Santo Antônio em Mossoró no Oeste Potiguar e o fogo que logo se alastrou pela casa, só foi controlado com a chegada do Corpo de Bombeiros. Dona Francisca, mãe de Francisco José informou que seu filho tem 32 entradas no Hospital Psiquiátrico São Camilo.
De acordo com a dona Francisca, seu filho estava morando ficou morando sozinho na casa, depois que a esposa o deixou e foi embora. Após ser retirado de dentro da casa, pelo irmão, Francisco José foi levado pelo Samu para a UPA do bairro, para ser medicado.
A VTR Ronda Cidadã da PM composta pelo Sgt Sidney e o Sd Barbosa deu apoio ao Samu na condução do paciente até a UPA. Ele não se machucou porque foi retirado a tempo de dentro da casa, quando o fogo começou.
Fim da Linha

Se Lula for impedido de disputar e declarar apoio a Haddad, 13% votariam nele, 14% poderiam votar e 60% não votariam de jeito nenhum

Fernando Haddad tenta associar sua imagem à de Lula (Foto: Reprodução)
Pesquisa Ibope divulgada na segunda-feira, 20, para a corrida presidencial fez a seguinte pergunta aos entrevistados: “Caso o candidato pelo PT, Lula, seja impedido de disputar a eleição para presidente da República e declare seu apoio a Fernando Haddad, o(a) sr(a) com certeza votaria em Fernando Haddad, poderia votar nele ou não votaria em Fernando Haddad de jeito nenhum?”
Eis o resultado:
Com certeza votaria em Fernando Haddad: 13%
Poderia votar nele: 14%
Não votaria em Fernando Haddad de jeito nenhum: 60%
Não o conhece o suficiente para opinar (esp.): 7%
Não sabe/ Não respondeu: 5%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S.Paulo”. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.
De acordo com o instituto, os percentuais variam de acordo com alguns parâmetros, como escolaridade, renda familiar e região. Veja:
ESCOLARIDADE
Com certeza votaria em Fernando Haddad
até a 4ª série do fundamental: 18%
5ª a 8ª série do fundamental: 15%
ensino médio: 13%
superior: 9%
Poderia votar nele
até a 4ª série do fundamental: 15%
5ª a 8ª série do fundamental: 13%
ensino médio: 14%
superior: 13%
Não votaria em Fernando Haddad de jeito nenhum
até a 4ª série do fundamental: 51%
5ª a 8ª série do fundamental: 58%
ensino médio: 60%
superior: 71%
Não o conhece o suficiente para opinar (esp.)
até a 4ª série do fundamental: 8%
5ª a 8ª série do fundamental: 8%
ensino médio: 8%
superior: 4%
Não sabe/ Não respondeu
até a 4ª série do fundamental: 9%
5ª a 8ª série do fundamental: 5%
ensino médio: 5%
superior: 4%
RENDA FAMILIAR (em salários mínimos)
Com certeza votaria em Fernando Haddad
mais de 5 salários: 8%
mais de 2 a 5 salários: 11%
mais de 1 a 2 salários: 15%
até 1 salário: 17%
Poderia votar nele
mais de 5 salários: 9%
mais de 2 a 5 salários: 13%
mais de 1 a 2 salários: 16%
até 1 salário: 15%
Não votaria em Fernando Haddad de jeito nenhum
mais de 5 salários: 79%
mais de 2 a 5 salários: 61%
mais de 1 a 2 salários: 58%
até 1 salário: 53%
Não o conhece o suficiente para opinar (esp.)
mais de 5 salários: 2%
mais de 2 a 5 salários: 8%
mais de 1 a 2 salários: 7%
até 1 salário: 10%
Não sabe/ Não respondeu
mais de 5 salários: 1%
mais de 2 a 5 salários: 6%
mais de 1 a 2 salários: 5%
até 1 salário: 5%
REGIÃO
Com certeza votaria em Fernando Haddad
Norte/Centro-Oeste: 10%
Nordeste: 22%
Sudeste: 11%
Sul: 9%
Poderia votar nele
Norte/Centro-Oeste: 15%
Nordeste: 17%
Sudeste: 12%
Sul: 13%
Não votaria em Fernando Haddad de jeito nenhum
Norte/Centro-Oeste: 62%
Nordeste: 51%
Sudeste: 65%
Sul: 61%
Não o conhece o suficiente para opinar (esp.)
Norte/Centro-Oeste: 9%
Nordeste: 5%
Sudeste: 6%
Sul: 11%
Não sabe/ Não respondeu
Norte/Centro-Oeste: 5%
Nordeste: 5%
Sudeste: 5%
Sul: 6%
Sobre a pesquisa
Margem de erro: dois pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 2.002 eleitores em 142 municípios
Quando a pesquisa foi feita: de 17 a 19 de agosto
Registro no TSE: protocolo nº BR‐01665/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.
Fonte: G1

Em 79º lugar no Brasil, Fátima Bezerra se torna a pior senadora do RN, ponta ranking

A candidata ao governo do RN e atual senadora Fátima Bezerra, apesar de liderar as pesquisas, não é considerada uma boa parlamentar, pelo menos no ranking dos políticos.
No Geral, aqui no Brasil, a senadora está ocupando a vergonhosa posição nº 79. Lembrando que existem apenas 81 senadores. Enquanto isso, Garibaldi Filho ocupa o 3º lugar. Uma vantagem que deixa a senadora sem reação.
Logicamente, em relação ao estado do RN, a senadora está em 2º lugar, já que Garibaldi é o 1º e, claro, só há parlamentares neste cenário. 
....
Redação
A senadora Fátima Bezerra (PT) é a pior parlamentar da bancada federal do Rio Grande do Norte em Brasília, de acordo com ranking do site politicos.org.brO site é especializado em mostrar quais são os parlamentares mais atuantes e “fichas-limpas” do Brasil do melhor para o pior. De acordo com o portal, Fátima tem a pontuação geral de -141, somando duas presenças em sessões, 12 privilégios (cota parlamentar/verba indenizatória); nenhum processo judicial contra, -5 pontos em “outros” fundamentos, e -150 em qualidade legislativa – ela é a única, entre senadores e deputados a ter pontuação negativa.
O senador José Agripino Maia (DEM), em quinto lugar, soma 227 pontos. O melhor parlamentar da lista da bancada federal potiguar é o senador Garibaldi Alves, o 31º melhor político em todo o país, somando 376 pontos positivos. O restante da lista é formado pelos deputados federais, que tem todos os seus representantes com pontuações positivas.
O site Politicos.org.br foi fundado por Gustavo Franco (ex-presidente do Banco Central do Brasil), o ex-presidente Fernando Henrique, dentre outros. Os critérios usados pelo grupo para avaliar os parlamentares são presença nas sessões, privilégios, quantidade e existência de processos judiciais contra o político examinado e qualidade legislativa. Leia Mais...

Macau: CPI do lixo vai ouvir prefeito e chefe de gabinete nesta quarta-feira(22)


A Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Limpeza Pública de Macau, que apura supostas irregularidades referentes a contratos da Prefeitura na coleta do lixo da cidade, em sua fase conclusiva ouvirá nesta quarta-feira (22), os depoimentos do prefeito Túlio Lemos e do chefe de Gabinete Bosco Afonso.
Os depoimentos estão marcados para começar a serem dados às 16h, no plenário da CMM.
Arafran Peter

Caminhão com carga de cana de açúcar tomba na BR 101 em Goianinha, RN

Caminhão tomba na BR 101 sul (foto: Portal NC)
Mais um caminhão tombou na BR 101, desta vez no município de Goianinha. Segundo informações o veículo estava com uma carga de cana de açúcar e tombou na madrugada desta terça-feira(21).
A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, esteve no local para acompanhar a remoção do veículo e orientar o tráfego na área.
O motorista teve apenas escoriações de natureza leve tendo sido socorrido . O caminhão tipo julieta que transporta cana, ficou escorado na mureta de proteção da BR 101.

Candidatura de Zenaide está em queda livre

A deputada federal Zenaide Maia (PHS) apareceu como favorita a uma vaga ao Senado nas eleições deste ano. Mas nunca conseguiu descolar de José Agripino Maia (DEM), que terminou desistindo da reeleição, e Garibaldi Alves Filho (MDB). A parlamentar tenderia a entrar em uma situação mais confortável com a saída de Agripino, mas não contava com a entrada do capitão Styvenson Valentim (REDE) na disputa. Ele lidera a pesquisa do IBOPE com 23%, crescendo acima da margem de erro. Em segundo está Garibaldi com 21%. Zenaide já tinha aparecido em quarto lugar na pesquisa de julho. Além de seguir na mesma posição ela caiu de 18% para 12% entre julho e agosto, ficando atrás de Geraldo Melo (PSDB) que despencou de 22% para 14%. A queda do tucano já era esperada, a de Zenaide não. A candidata precisará se reinventar na campanha para recuperar o potencial de crescimento.

Como tirar a CNH Digital

A versão digital da Carteira Nacional de Habilitação (CNH-e) armazena todas as informações da CNH impressa, garantindo a autenticidade do documento e só poderá ser gerada para os condutores que possuem a última versão da CNH impressa, que conta com um QR Code (CNH's emitidas a partir de maio de 2017).
O condutor que possuir uma CNH sem QR Code poderá solicitar a 2ª via de sua CNH física ou renovação da CNH, ou  caso solicite algum tipo de alteração de dados no documento de habilitação, a CNH alterada também será emitida com QR Code. A versão digital é gratuita e opcional.
A CNH digital possui a mesma validade do documento de habilitação impresso e funciona por meio de um aplicativo de celular gratuito. O documento é acessível offline, sem necessidade de conexão wi-fi ou dados móveis habilitados.
A versão impressa continuará sendo emitida normalmente, mas o condutor poderá dirigir apenas com a CNH-e que é válida em todo território nacional. Nesse caso, deverá atentar para o funcionamento do smartphone, já que, para efeitos de fiscalização, se o aparelho estiver descarregado, será considerado que a CNH não está sendo portada.   
A CNH-e é mais uma comodidade ao condutor, mas NÃO é obrigatória, podendo esse continuar a utilizar a versão impressa.
Orientações do processo:
1º PASSO – FAZER O CADASTRO NO SITE DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE TRÂNSITO (DENATRAN)
O condutor deverá primeiramente se cadastrar no site do Denatran. Após finalizar o cadastro, um link de ativação será enviado para o e-mail do usuário, que deve ser acessado e confirmado. Para realizar o cadastro, CLIQUE AQUI.
CONDUTOR QUE NÃO POSSUI CERTIFICADO DIGITAL – Ao clicar no link de ativação, a página do site do Denatran abrirá para que o usuário faça o login com CPF e senha. O usuário deve ler atentamente as instruções apresentadas no site e comparecer em qualquer posto de atendimento do Detran/RN para completar o cadastro.
Documento a ser apresentado no Detran/RN: Carteira Nacional de Habilitação (CNH) original e comprovante de residência.
Após concluir o cadastro presencial no Detran/RN, o condutor deverá fazer o login no site do Denatran e clicar em “Ativar Cadastro”. Um código será enviado por e-mail e o usuário deverá usar esse código na primeira vez que acessar o aplicativo no celular. O código será necessário apenas no primeiro acesso e tem validade de 48h.
CONDUTOR QUE POSSUI CERTIFICADO DIGITAL – Ao clicar no link de ativação enviado por e-mail após fazer o cadastro no site, a página do site do Denatran abrirá para que o usuário faça o login com CPF e senha. Na tela inicial clique em “Ativar Cadastro”. Um código será enviado por e-mail e o usuário deverá usar esse código na primeira vez que acessar o aplicativo no celular. O código será necessário apenas no primeiro acesso e tem validade de 48h.
2º PASSO – BAIXAR O APLICATIVO “CNH DIGITAL” NO CELULAR
O interessado deverá baixar o aplicativo pela Google Play Store ou pela App Store, dependendo do sistema operacional do celular.
3º PASSO – ACESSAR A CNH-E
No primeiro acesso, após o condutor digitar o CPF e a senha cadastrada no site do Denatran, será necessário informar o código de validação enviado por e-mail. Em seguida, o usuário também deverá cadastrar o código PIN (quatro números escolhidos pelo condutor). Depois desse registro, a CNH-e poderá ser visualizada no aplicativo. Para garantir a segurança das informações, o código PIN será exigido todas as vezes em que o acesso ao documento for requisitado.
Para linkar o site do Denatran no 1ºpasso do processo : segue o link 

Tiroteio deixa um morto e dois feridos em Natal

Um tiroteio ocorrido no bairro das Quintas, na Zona Oeste de Natal, terminou com duas pessoas feridas e uma morta no final da tarde desta segunda-feira (20). A polícia ainda não identificou os envolvidos na troca de tiros.
A ocorrência foi registrada na Rua dos Pegas, próximo à 7ª Delegacia de Polícia de Natal. As vítimas socorridas ainda estão no hospital e a polícia também não divulgou informações sobre o que motivou essa troca de tiros.

SINE – RN oferece nesta terça-feira(21) 19 oportunidades de emprego

Para concorrer às vagas, o candidato deve se cadastrar via Internet no Portal Mais Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço maisemprego.mte.gov.br , ou na unidade do Sine Matriz em Natal, na Cidade da Esperança, na Rua Adolfo Gordo, s/n, prédio da Central do Trabalhador, da 8h ás 16h, ou em qualquer agência do Sine nas centrais do cidadão de Natal e no interior.
O interessado que não tem cadastro e acesso ao Portal Mais Emprego, pode comparecer as Agências do SINE, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), Número do PIS, cédula de identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O atendimento é de acordo com o horário de funcionamento das centrais do cidadão e do SINE Matriz Cidade da Esperança no prédio da Central do Trabalhador, das 8h às 12h e 13h às 16h.
VAGAS PERMANENTES – NATAL e GRANDE NATAL
Ajudante de carga e descarga de mercadoria 5
Churrasqueiro 1
Repositor de mercadorias 2
Total 8

MOSSORÓ E REGIÃO
Alinhador de pneus 1
Borracheiro 1
Comprador 1
Eletricista de instalações de veículos automotores 1
Encarregado de seção de controle de produção 1
Engenheiro de segurança do trabalho 1
Mecânico de injeção eletrônica 1
Motorista de caminhão-guincho pesado com munk 1
Operador de cobrança 1
Piscineiro 1
Vendedor de comércio varejista 1
Total 11

TRE-RN reúne chefes de cartórios nesta terça para discutir temas relacionados às eleições

Secretária Judiciária, Lígia Limeira. coordenará o encontro
A Secretaria Judiciária do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) promoverá, nesta terça-feira, 21, reunião com os chefes de Cartório das Zonas Eleitorais, com o objetivo de discutir as regras que nortearão o financiamento das campanhas, a aplicação de recursos eleitorais e a prestação de contas dos candidatos e partidos políticos participantes das Eleições 2018. O evento será coordenador pela Secretária Judiciária, Lígia Limeira.
Apesar da natureza do pleito deste ano se desdobrar nos Tribunais Eleitorais pela via eletrônica que inclui o processo Judicial Eletrônico (PJe), as Zonas Eleitorais serão incumbidas de receber e processar as prestações de contas dos diretórios municipais das agremiações partidárias, cuja entrega de documentos e de informações ainda se dará fisicamente, atendendo a critérios fixados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Convém ressaltar que tais diretórios se obrigam à utilização do Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE) que realizará confirmação de dados com vários outros sistemas da Justiça Eleitoral, bem como com inúmeros bancos de dados de órgãos conveniados com o TSE, com vistas à efetivação da política de fiscalização do processo eleitoral.
O evento ocorrerá no auditório do Centro de Operações da Justiça Eleitoral (Coje) das 8h às 18h. No turno da tarde os participantes, visando à otimização de rotinas e procedimentos cartorários, promoverão discussões em torno das boas práticas estabelecidas por suas unidades.

PT define agenda de Haddad em Mossoró



O PT definiu a agenda de campanha do candidato a vice-presidente pelo partido Fernando Haddad em Mossoró. Ele chega na quinta à noite e na sexta concede entrevista coletiva pela manhã num café da manhã com a imprensa.
Logo em seguida ele faz caminhada pelo centro de Mossoró e inaugura o comitê Lula/Fátima no cruzamento das ruas Coronel Gurgel e Felipe Camarão, nas imediações da Caixa Econômica.
Os horários ainda serão definidos pelo partido.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Pesquisa Ibope: Bolsonaro lidera com 20% e Haddad tem 4%; inelegibilidade de Lula é dada como certa

Bolsonaro é o primeiro sem Lula e o segundo com Lula (Foto: Reprodução)
Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira, 20, apurou os percentuais de intenção de voto para presidente da República em dois cenários com candidatos diferentes do PT, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no primeiro cenário e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad no segundo.
Cenário com Lula
No cenário que inclui como candidato do PT o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a pesquisa apresentou o seguinte resultado:
Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 37%
Jair Bolsonaro (PSL): 18%
Marina Silva (Rede): 6%
Ciro Gomes (PDT): 5%
Geraldo Alckmin (PSDB): 5%
Alvaro Dias (Podemos): 3%
Eymael (DC): 1%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Henrique Meirelles (MDB): 1%
João Amoêdo (Novo): 1%
Cabo Daciolo (Patriota): 0
Vera (PSTU): 0 João Goulart Filho (PPL): 0
Branco/nulos: 16%
Não sabe/não respondeu: 6%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S.Paulo”. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.
Cenário com Haddad
Lula está preso em Curitiba, condenado em segunda instância no caso do triplex no Guarujá. Pela Lei da Ficha Limpa, ele está inelegível.
Por essa razão, a Procuradoria Geral da República impugnou (questionou) a candidatura.
O caso está sendo analisado pelo ministro Luís Roberto Barroso e será decidido pelo TSE depois de ouvir a defesa de Lula, a favor do registro da candidatura.
Em razão desse quadro jurídico, o Ibope pesquisou outro cenário, com o atual candidato a vice na chapa de Lula, Fernando Haddad.
Nesse cenário, o resultado seria:
Jair Bolsonaro (PSL): 20%
Marina Silva (Rede): 12%
Ciro Gomes (PDT): 9%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Fernando Haddad (PT): 4%
Alvaro Dias (Podemos): 3%
Eymael (DC): 1%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Henrique Meirelles (MDB): 1%
João Amoêdo (Novo): 1%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
Vera (PSTU): 1%
João Goulart Filho (PPL): 1%
Branco/nulos: 29%
Não sabe/não respondeu: 9%
Sobre a pesquisa
Margem de erro: dois pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 2002 eleitores em 142 municípios
Quando a pesquisa foi feita: de 17 a 19 de agosto
Registro no TSE: protocolo nº BR‐01665/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro; 0% significa que o candidato não atingiu 1%; traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado. (Com informações G1, Brasília).

Desaprovação alta atinge maioria dos candidatos

Os principais candidatos à Presidência começam oficialmente a campanha eleitoral desaprovados pela maioria absoluta da população, segundo a pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos, que analisa a opinião dos brasileiros sobre personalidades do mundo político e jurídico.
Entre os concorrentes ao Planalto, os ocupantes do topo do ranking da desaprovação são Geraldo Alckmin, do PSDB, e Ciro Gomes, do PDT. O desempenho do tucano é desaprovado por 70%, e do pedetista, por 65%.
Como a margem de erro da pesquisa é de três pontos porcentuais para mais ou para menos, há probabilidade de que ambos estejam empatados. Mas desde abril, as opiniões negativas sobre Alckmin têm ficado numericamente acima das de Ciro.
No bloco seguinte aparecem, empatados tecnicamente, Jair Bolsonaro, (PSL, com 61% de desaprovação), Marina Silva (Rede, 61%), Henrique Meirelles (MDB, 60%) e Fernando Haddad (PT, 59%)
Apesar de o Ipsos incluir o nome de possíveis concorrentes ao Planalto em sua pesquisa, o instituto não procura medir intenção de voto.
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado a 12 anos e 1 mês de prisão, que se lançou candidato pelo PT, mas pode ter a iniciativa barrada pela Justiça, teve leve melhora em seus números.
Ele é aprovado por 47% da população, uma oscilação positiva de dois pontos porcentuais em relação à pesquisa anterior. Já a desaprovação oscilou para baixo, de 53% para 51%. Isso significa que o País está praticamente rachado ao meio em relação ao ex-presidente.
A aprovação a Lula é a maior entre as 17 personalidades apresentadas pelo Ipsos aos eleitores.
Em segundo lugar aparece o juiz Sérgio Moro, responsável pela condenação do ex-presidente em primeira instância, com 41%. A seguir estão Marina Silva, com 30%, e o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, com 28%.
A situação de Fernando Haddad, provável substituto de Lula quando a candidatura for barrada pela Justiça, é bem mais desconfortável. Ele é aprovado por apenas 8%, e desaprovado por quase seis em cada dez eleitores.
A desaprovação do presidente Michel Temer (MDB) segue em patamar elevado: 94%.