Barco pesqueiro naufraga próximo aos parrachos de Maracajaú, RN

barco
Uma embarcação de 20 metros de comprimento naufragou próximo aos parrachos de Maracajaú, um dos principais ponto turísticos do Rio Grande do Norte. A embarcação é um atuneiro que trabalhava na região quando apresentou problemas. O Ibama estima que o barco esteja com 5 mil litros de óleo. De acordo com o Ibama, o óleo é altamente tóxico e, caso haja vazamento, pode causar graves danos à fauna aquática.
Os oito tripulantes usaram balsa salva-vidas e foram resgatados. O Ibama, a Capitania dos Portos e a Polícia Federal acompanham o caso. De acordo com o Ibama, o proprietário do barco foi notificado para apresentar os planos de remoção do combustível e de remoção da embarcação. “O prazo para que ele apresentasse esse plano terminaria hoje (sexta-feira), mas como é feriado em Natal e ele tem que apresentar esse plano no Ibama aí na capital potiguar, o prazo foi estendido para segunda-feira”, disse o coordenador geral de emergências ambientais substituto do Ibama, Marcelo Amorim.
Segundo ele, caso não apresente o plano dentro do prazo estabelecido, o proprietário do barco será multado. “Além de uma multa fixa, ele terá uma multa diária até que apresente o plano de remoção”, explicou Amorim. A preocupação do órgão é que o óleo vaze e cause danos ambientais.
Em nota, a Capitania dos Portos informou que as causas e responsabilidades serão determinadas por meio de inquérito administrativo instaurado pela Marinha do Brasil.
Do G1 RN

Nenhum comentário :

Postar um comentário