Funcionários pedem segurança para fazer contagem dos mortos em Alcaçuz

1rebeldesOs funcionários do Instituto Técnico-cientifico  de Polícia  – ITEP farão a perícia dentro do presídio de Alcaçuz e também a contagem dos corpos deixados durante a rebelião, encerrada na manhã deste domingo(15). Para adentrar a unidade prisional, os profissionais cobram segurança, inclusive coletes balísticos.
Após a ação da polícia militar e agentes penitenciários, que controlaram a rebelião na unidade, os detentos estão sendo reagrupados para que o trabalho de revista na unidade seja  realizado, além da contagem sobre os número de detentos mortos no confronto entre presos de facções rivais.

Nenhum comentário :

Postar um comentário