Presidente de entidade pesqueira denuncia pesca predatória em mananciais do Vale do Açu


A Polícia Ambiental e a representação do Ibama no Rio Grande do Norte já foram informadas e a adoção de providências está sendo aguardada no sentido de coibir a sobrepesca ou pesca predatória que se caracteriza de diversas formas entre elas a captura de peixes com o emprego de apetrechos que estão em desconformidade com o que determinam as normas ambientais como é o fato verificado nos açudes do Mendubim e Pataxó ambos localizados na região do vale do Açu. A prática é levada ao conhecimento da opinião pública em forma de denúncia pela presidente da Colônia de Pescadores Z-20 em Assú, Sônia Maria de França – Sônia da Pesca. A dirigente confirma que o fato foi comunicado às autoridades e apela para que quem comete tal ato pare imediatamente.


Nenhum comentário :

Postar um comentário