Lava Jato rastreia mais de 21 milhões de transações financeiras



A força-tarefa da Lava Jato em Curitiba está rastreando 21,5 milhões de transações num total de pesquisa de R$ 1,3 trilhão.
O rastreamento é feito pelo Sistema de Investigação de Movimentações Bancárias (Simba), ferramenta importante da Operação.
Essas transações foram obtidas após quebras de sigilos recebidas dos bancos via Simba, capaz de fazer um raio-x das finanças de investigados.
O total de transações vem aumentando. Na última vez que o dado foi divulgado, eram 17 milhões, 4,5 milhões a menos.
O valor total pesquisado, R$ 1,3 trilhão, é maior que o PIB de países da América Latina, como Argentina, Chile e Colômbia.

Nenhum comentário :

Postar um comentário