Polícia Rodoviária Federal informa paralisação de serviços por falta de verbas

Polícia Rodoviária Federal do RN
Agência Estado
A Polícia Rodoviária Federal informou nesta quarta-feira que vai paralisar parte de suas atividades por falta de orçamento. Num comunicado, avisa que os limites impostos pelas restrições orçamentárias para aquisição de combustível, manutenção e diárias decidiu adotar medidas as seguintes medidas: suspensão imediata das atividades aéreas de policiamento e resgate desempenhadas pela instituição e a suspensão a partir desta quinta-feira do serviço de escolta de cargas superdimensionadas e escoltas em rodovias federais.

A PRF também diz que fará a redução imediata dos deslocamentos terrestres de viaturas em patrulhamento, além do desativamento de unidades operacionais.
As medidas ocorrem no momento em que se iniciam as férias escolares e os movimentos nas estradas aumentam. Na semana passada, a Polícia Federal também suspendeu a emissão de passaportes por falta de verbas. Ontem, a Comissão Mista do Congresso aprovou uma suplementação, mas o projeto ainda precisa ser aprovado pelo Congresso para que o documento volte a ser emitido.
A PRF informa que está em tratativas com os ministérios da Justiça e do Planejamento para que se tenha uma “célere recomposição do orçamento e o restabelecimento dos serviços”.

Nenhum comentário :

Postar um comentário