Grande Natal tem 506 roubos, furtos e arrombamentos em 10 dias sem PM nas ruas

Viaturas paradas em frente ao 5º batalhão, na Zona Oeste de Natal. Policiais não saíram às ruas por causa do atraso salarial no dia 19 de dezembro (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Em dez dias sem a Polícia Militar nas ruas, foram registrados na Grande Natal 506 arrombamentos, furtos e roubos. Os dados são da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine), setor da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed).
A contagem se refere aos dias compreendidos entre o início da movimentação dos policiais militares, em 19 de dezembro, e esta quinta-feira (28). Os PMs protestam contra os atrasos salariais e más condições de trabalho da categoria.
As ocorrências continuam a acontecer, não só na Região Metropolitana de Natal.
Policiais e bombeiros militares do Rio Grande do Norte estão aquartelados desde a última terça-feira (19). Policiais civis trabalham em regime de plantão desde quarta (20). As categorias reivindicam, além de melhores condições de trabalho, o pagamento dos salários e 13º.
A paralisação das polícias gerou uma onda de crimes em várias cidades do estado. Assaltos, arrombamentos e arrastões se repetem diariamente desde o dia 19.
Do G1 RN

Comentários