Nota de corte para Medicina em Caicó continua a mais alta do Brasil

Hoje é o último dia para inscrição no Sisu (Sistema de SeleçãoUnificada) que utiliza as notas do Enem para ingresso na maior parte das universidades públicas brasileiras. Os candidatos tem até às 23h59 desta sexta-feira para aplicar suas médias ou fazer alterações no cadastro.
O resultado final será divulgado na segunda-feira (29). Só no rio Grande do Norte, estão sendo ofertadas, para o primeiro semestre, 8.580 vagas em quatro instituições públicas de Ensino Superior.
A concorrência, no entanto é grande. O Ministério da Educação já contabilizou 1.824.727 pessoas inscritos em todo país. Como os candidatos podem escolher até dois cursos, o número de inscrições ultrapassou a marca de 3.534.81. Os dados foram computados até às 19h desta quinta-feira (25), seguindo o horário de Brasília. Além do grande número de inscritos, os candidatos se deparam com altas notas de corte ao acessar o sistema. Para estudar Medicina no campus da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em Caicó, por exemplo, o estudante precisa ter marcado pelo menos 884 pontos no último Enem. A média leva em consideração as inscrições feitas até às 00h desta sexta-feira e pode sofrer alterações ao longo do dia. No entanto, tem apresentado o maior ponto de corte do país desde quarta-feira, quando o primeiro resultado parcial foi divulgado. Dentre as instituições do Rio Grande do Norte, a segunda maior média é para o curso de Direito (815,04), também no campus Caicó da UFRN. O polo universitário concentra as maiores médias do estado e do país porque tem as notas alavancadas pelo argumento de inclusão. O benefício foi criado em 2013 e garante um acréscimo de 20% nas notas de candidatos da região para incentivar que estudem no município. Em Natal, a nota mais alta continua sendo para o curso de Medicina com 766,71 como ponto de corte. No ranking de cursos mais concorridos do Campus Central da UFRN, Engenharia Civil ocupa o segundo lugar com média 732,87, seguida de Engenharia da Produção (724,6), Arquitetura (720,4), Odontologia (714,47) e Direito (706,34) Números Notas de corte mais altas na UFRN Campus Caicó Medicina: 884 pontos (20 vagas) Direito: 815,02 pontos (25 vagas) Campus Central Medicina: 766,7 pontos (50 vagas) Engenharia Civil: 732,87 pontos (50 vagas) Engenharia da Produção: 724,6 (22 vagas) Arquitetura: 720,4 (20 vagas) Odontologia: 714,47 (40 vagas) Direito: 706,34 (50 vagas) Distribuição de vagas no RN UFRN 107 cursos 1º semestre:  4.639 2º semestre:  2.284 Total:  6.923 vagas Uern 67 cursos 1º semestre: 1.518 2º semestre:  886 Total: 2.404 vagas Ufersa 26 cursos 1º semestre  1.415 vagas IFRN 34 cursos 1º semestre 1.008 vagas
 
Tribuna do Norte

Comentários