Hospital Walfredo Gurgel libera visitas a pacientes após TRT determinar retorno de vigilantes ao trabalho


As visitas para pacientes internados em enfermarias do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal, foram retomadas nesta segunda-feira (5). A suspensão aconteceu por causa da greve dos vigilantes dos hospitais, contudo uma decisão judicial obrigou que 70% da categoria retomasse as atividades.

A decisão é válida somente para os vigilantes que atuam em hospitais públicos. Os demais membros da categoria, que trabalham em outros lugares, não são afetados pela determinação da Justiça.
Segundo a administração do Walfredo Gurgel, durante os quase 10 dias de paralisação os pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) não tiveram as visitas interrompidas. Já os internados em enfermarias, tiveram o direito a visita temporariamente suspenso, porém, permanecendo com seus acompanhantes.
Os vigilantes iniciaram a greve uma semana atrás, no dia 26 de fevereiro, e a decisão do Tribunal Regional do Trabalho que determina a volta ao trabalho é desta segunda (5). Com o retorno dos profissionais que fazem a guarda das unidades de saúde, a direção do Walfredo Gurgel retomou também as visitas.

G1

Comentários