Consumidores da Ceasa relatam indignação e prejuízos com paralisação


Foto: Cedida
O protesto que ocorre com bloqueio das entradas à Ceasa já tem causado revolta da população que diariamente compra produtos no local, como também de permissionários que não aderiram à manifestação que é contrária ao reajuste da taxa de condomínio aos comerciantes.
Relatos que chegaram ao Blog do BG apontam que os clientes estão sendo impedidos de entrar e sair com as compras feitas na Ceasa. Sem o acesso de carros, alguns clientes conseguiram entrar a pé, mas enfrentam barreiras e alguns casos de violência chegaram a ser relatados.
Um dos leitores do Blog relatou que apesar de ser um protesto válido, passou por uma situação tensa. “Entrei, fiz minhas compras e para a minha surpresa fui impedido de dair do Ceasa com minhas compras, mesmo com um peso enorme nas mãos. Simplesmente com uma ignorância que jamais presenciaria. Tive que voltar pra devolver minhas compras perdendo um tempo horrendo. Além do tempo perdido, tive que fazer minhas compras nos supermercados para não deixar meus clientes na mão. Exemplo, tomate no Ceasa que gastaria 80,00 gastei 140,00, cebola que gastaria 50,00 gastei 150,00. Fica aqui minha indignação. Era pra ter fechado logo o Ceasa e não deixar o cliente perder tempo e dinheiro”, contou o leitor.
Empresários do setor de supermercados também relatam preocupação, pois o abastecimento de frutas e verduras é feito em sua maioria pelas compras na Ceasa. Segundo eles, caso o protesto continue, os supermercados podem ficar desbastecidos.

Comentários