Prefeitura de Alto do Rodrigues leva água de boa qualidade aos seus moradores

Diante da escassez de água em alguns locais no município, a gestão municipal está investindo na instalação de adutoras para levar água potável, e de excelente qualidade, as residências, tanto na zona urbana, onde ainda carece do serviço de distribuição, como também na zona rural, eliminando de vez o transporte de água, através de carros pipa.

Dona Socorro é moradora na rua Maria Pereira, e sequer, poderia imaginar que o abastecimento de água na sua localidade, daria um salto qualitativo após a instalação de uma nova adutora. “Com a chegada da água melhorou muito, e ainda mais agora, sendo de ótima qualidade. A instalação dessa adutora não só foi importante, como necessária”, destaca a moradora.


A prefeitura municipal de Alto do Rodrigues, por intermédio da secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Desenvolvimento Rural, que tem a frente o secretário Francisco Paiva da Silva (Bão), vem colocando em operação as adutoras para levar água de boa qualidade aos moradores, e já possui dentro de seu cronograma de atendimento às ruas, vereador Paulo Dama, Maria Pereira de Souza, Eda Melo, Elizabeth Martins, Sítio Ponciana, Sítio Gajé, unidades habitacionais, situadas próximas ao trevo da estrada do óleo, loteamento empresarial, e parte, localizado na comunidade Tabatinga.


Uso incorreto e ligações clandestinas
Ramais da adutora também foram direcionados não só às residências, nas ruas citadas, como também, aos lotes de terrenos baldios, onde futuramente poderá receber novas habitações, evitando que haja o desvio clandestino da água. Um estudo da Caern mostra que o uso incorreto e irracional da água, bem como, a prática de ligações clandestinas, são as principais causas pela falta de água. “Os gatos reduzem a pressão da água, isso dificulta a chegada em pontos mais altos e mais distantes. Por causa da fraude o consumo não é medido, com isso, as pessoas não se preocupam com a economia, e passam a consumir de maneira incorreta”, revela um funcionário da companhia.

Comentários