Pular para o conteúdo principal

Nova fase da Lava Jato no RJ mira funcionários da Receita Federal

Nova fase da Lava Jato no RJ mira funcionários da Receita Federal
A força-tarefa da Lava Jato no RJ tenta prender nesta quarta-feira (2) 14 pessoas. A Operação Armadeira mira um esquema de extorsão dentro da Receita Federal.
A própria Receita e a Polícia Federal (PF) mobilizaram 32 equipes. Um dos procurados é o auditor Marco Aurélio Canal, supervisor de Programação da Receita na Lava Jato do Rio.
Segundo as investigações, esses funcionários da Receita extorquiam de empresários alvos da Lava Jato em troca de redução ou cancelamento de multas.
Do G1

Comentários