Galvão e equipe ‘crucificam’ Jesus como culpado pela derrota do Flamengo

Foto: Reprodução/TV Globo
Flamenguista assumido, Galvão Bueno e companhia bem que tentaram disfarçar, mas elegeram nesse sábado (21), na transmissão da TV Globo, o grande culpado pela derrota para o Liverpool: Jorge Jesus. Foi como se o amor com o campeão do Brasileiro e da Libertadores tivesse acabado nos 120 minutos da final do Mundial.
Apesar de elogiar o desempenho do time rubro-negro até a prorrogação, o narrador e os comentaristas Júnior e Roger Flores criticaram, e muito, as substituições do treinador no segundo tempo. Arrascaeta e Éverton Ribeiro, mesmo não apresentando o melhor do seu futebol, não poderiam deixar o campo. Para piorar, Vitinho e Diego entraram em outro ritmo.
Na semifinal, contra o Al-Hilal, o narrador já havia demonstrado a tristeza por sair atrás no placar. Em nenhum momento, no entanto, havia criticado o Mister. Agora, foi como se o amor pelo técnico português tivesse chegado ao fim.
R7

Comentários